Aprender na Internet

 

 

 

Hoje é mais difícil ter desculpas para dizer que não consegue estudar porque não tem condições. Com o farto material na internet ensinando diversos assuntos e matérias, a força de vontade muitas vezes é o que basta para se aprender. No nosso caso, estou falando de violão, mas serve para outros assuntos.

 

Eu dividi as formas de se aprender na internet em três: aprendendo de graça, comprando material e comprando consultoria. Gostaria de deixar claro que as três formas também podem ser feitas juntas.

 

A internet trabalha com produtos digitais, que  são os livros digitais, sites, aplicativos, vídeos online, etc... são produtos intangíveis, imateriais, virtuais; e eles, juntos com a grande demanda de informação na internet e a facilidade para qualquer pessoa produzir e colocar conteúdo nela, faz  elevar a oferta de material gratuito. É possível aprender usando esse material.

 

Ao buscar conteúdo gratuito você estará economizando dinheiro, além disso fará você ter que pesquisar mais, buscar o conteúdo, e isso traz uma bagagem de conhecimento, você estará exercitando bastante a pró atividade, e ser pró-ativo aprofunda o saber e o amplia pela própria experiência de busca, assim você o constrói na própria essência, vamos dizer que na essência da sobrevivência.

 

Mas há também dificuldades e perdas: você poderá perder tempo, pois muita coisa gratuita não tem qualidade, e até encontrar conteúdo bom, você perderá tempo. Além disso, esse conteúdo ruim pode  desmotivar, ser ineficiente. Outra coisa que pode acontecer é não existir material gratuito ensinando aquilo que você quer aprender, dessa forma, não terá jeito.

 

Muitas vezes quando encontramos um material bom e estamos aprendendo com ele, a gratuidade é limitada, pois é necessário comprar conteúdo pago para ter aquele método. Começamos querendo aprender  de forma gratuita, mas esse conteúdo nos leva às portas dos materiais pagos. Se for viável, comprar conteúdo na net poderá trazer ótimos benefícios.

 

Quando você encontra um método, organizado, preparado na forma de curso, com uma unidade na didática e na forma seu aprendizado será mais rápido, você não perderá tempo "batendo cabeça" procurando conteúdo, usará a orientação precisa que te levará ao saber. Porém, é preciso testar o método ou confiar na empresa, no site ou no profissional que produziu aquilo, saber que você ficará satisfeito com o que adquiriu.

 

Como ressalvas a esta forma, é necessário tomar cuidado para não ser enganado, pois tem muito material ruim pago também na internet, pessoas prometendo coisas que não poderão te dar ou que não tem alguma relevância efetiva para você, como por exemplo ser um iniciante de violão e comprar um material que promete te ensinar mil acordes e não sei quantas escalas, o que seria uma aberração didática um método desse. Então é importante conhecer uma parte do conteúdo e conhecer o produtor ou professor, além de outras garantias.  É importante  que o preço do produto não seja superior ao valor (qualidade) dele.

 

A terceira forma de aprender na internet são os cursos em forma de consultoria, onde o aluno tem contato direto com o professor, ou o cliente com a empresa, como uma consultoria na qual haverá avaliação do trabalho, ajuda direta e conhecimento das necessidades individuais do cliente. No caso do violão, você poderá ter como exemplo aulas por skype ou avaliação direta por outros meios. Se você tiver fazendo um curso de redação, dando outro exemplo, assistir às aulas e ter redações corrigidas e discutidas diretamente com o professor, e o professor discutir com os alunos sua redação. Esse tipo de serviço é um tipo de "conteúdo pago" mais eficiente que os cursos gravados. Eu já fiz um curso de áudio onde além da turma presencial, os alunos à distância mandavam seus trabalhos e o professor discutia na sala. Eu e os outros alunos virtuais assistíamos e participávamos pelo computador de uma aula normal em uma escola de alunos presentes.

 

A medida que você quiser se aprofundar no estudo na internet, você encontrará diversas opções para se desenvolver, o importante é não deixar de ser pró-ativo. Não é o professor que coloca um chip em sua cabeça e você não precisa fazer nada, você vai atrás do saber, e encontra pessoas e produtos que irão te ajudar. 

 

 

 

TOCANDO COM UMA CORDA NO VIOLÃO - APRENDA VIOLÃO

 

 

 

 

Alexandre Bloisi

Professor de Violão

 

 

 

 

Please reload

Redes Sociais

  • Wix Facebook page
  • YouTube Social  Icon